Papo com mães de mais de 80 anos!

Olá! Neste último domingo (24/10), o Papo de Mãe recebeu no estúdio mulheres com mais de 80 anos que já são mães, avós e bisavós para um papo muito interessante sobre como é a relação familiar nesta fase da vida. Entre as convidadas, a psicóloga e mestre em gerontologia Dorli Kamkhagi, e a geriatra Dra. Tânia Vaz Guimarães, que deram dicas muito importantes sobre como lidar com a saúde física, mental e emocional nesta idade.
A população de idosos cresce a cada dia. Segundo informações do IBGE, no Brasil, há 3 milhões de pessoas com mais de 80 anos. E a tendência é que este número aumente cada vez mais. De acordo com uma projeção do Instituto, em 2050 é possível que a população de idosos no Brasil chegue a 63 milhões de pessoas, ou seja, serão 172 idosos para cada 100 jovens (em 1980 eram 10 idosos para cada 100 jovens).
Este aumento da população com mais idade se deve principalmente à melhora da qualidade de vida e aos avanços da medicina, o que aumenta significativamente a expectativa de vida. Só para citar um exemplo, na década de 50, a expectativa de vida de um pessoa era de 43,3 anos. Em 2007, saltou para 72,5 anos.
De acordo com o Ministério da Saúde, o idoso brasileiro visita o médico, em média, 9 vezes por ano. Na população em geral, o número de consultas cai para 5. Além disto, os idosos usam 3 vezes mais prescrições de medicamentos do que os jovens. As campanhas de vacinação contra a gripe para pessoas com mais de 60 anos realizadas anualmente também têm contribuído para diminuir o índice de mortalidade entre as pessoas nesta faixa etária.
Mas é preciso considerar que os cuidados com o idoso não se limitam apenas ao aspecto físico. A saúde emocional também é muito importante, conforme assistimos no programa. E a família tem um papel fundamental neste processo. Estimular o convívio entre avós e netos, bisavós e bisnetos é muito saudável não só para os mais velhos, como para as crianças também.
As crianças normalmente adoram a companhia dos avós e bisavós. A filha mais velha da apresentadora Mariana Kotscho, por exemplo, costuma dizer que a melhor amiga dela é a “bisa”. Não são raras as ocasiões em que Laura, 7 anos, deixa de fazer outras atividades só para ficar desfrutando da companhia da bisavó tão querida, que certamente adora receber todo este carinho.
A população idosa não tem mais o mesmo perfil de antigamente. As pessoas acima dos 60 anos cuidam da saúde, tem vida social e afetiva ativas e trabalham também. De acordo com o Ministério da Saúde, hoje em dia, os idosos são responsáveis por grande parte da renda familiar. A proporção de idosos chefes de família aumentou de 19% em 1998, para 21% em 2008. Atualmente, 38% dos homens idosos e 14% das mulheres idosas estão no mercado de trabalho.
E, conforme pudemos conferir na reportagem de Rosângela Santos, envelhecer não significa perder a vaidade. Nossa equipe acompanhou um concurso de beleza para escolher o idoso mais bonito de São Paulo. Teve ainda a “vez do pai” com Davi de Almeida e um papo pelas ruas com Pedrinho Tonelada. No final do programa, os telespectadores ainda puderam bater um papo ao vivo com as nossas apresentadoras aqui pelo chat. Foi muito bacana!
Enfim, este foi um breve resumo do nosso Papo de Mãe deste último domingo. Esperamos que tenham gostado! No decorrer da semana, acompanhem nossas postagens aqui no blog sobre este tema. Assinem nosso “feed” para receber nossas atualizações. Sigam também a gente pelo twitter(@papodemae) e pelo facebook. Mandem perguntas para os especialistas, relatos e sugestões para nosso e-mail: contato@papodemae.com.br e ajudem a divulgar o programa! Votem no blog Papo de Mãe para o prêmio TOPBLOG clicando aqui. Só não esqueçam de confirmar o voto depois pelo e-mail. Uma boa semana a todos, obrigada pelo carinho e pela audiência!!!

Tags: