Sarampo: sintomas e prevenção

Por Saúde4Kids*,

 

Sarampo

Muito tem se falado sobre sarampo; é a grande preocupação do momento, e com muita razão, pois era uma doença afastada do Brasil e da América há vários anos, graças às estratégias de vacinação, vigilância e demais medidas de controle implementadas em todo o continente americano desde o final dos anos 90. Mas a doença está voltando e chegando até nós.

Afinal, você sabe o que que é sarampo?
O sarampo é uma doença infecciosa aguda, viral, extremamente contagiosa e muito comum na infância. No início, apresenta-se com febre alta, tosse persistente, irritação ocular e coriza. Após, aparecem manchas avermelhadas no rosto, que se espalham em direção aos pés, e persistem por pelo menos 3 dias. Também pode causar infecção de ouvidos, pneumonia, convulsões, lesão cerebral e morte. Na evolução, o vírus pode atingir as vias respiratórias, causar diarreias e até infecções de sistema nervoso central. Suspeita-se que estas complicações sejam desencadeadas pelo próprio vírus que, comumente, atinge mais gravemente desnutridos, recém-nascidos, gestantes e imunodeficientes. A transmissão é direta, de pessoa a pessoa, geralmente por tosse, espirros, fala ou respiração, e isso explica porque é extremamente contagioso. Também ocorre contaminação por meio de gotículas com partículas virais dispersas no ar, que podem permanecer por tempo relativamente longo no ambiente, especialmente em locais fechados como escolas e clínicas. A transmissão ocorre na fase inicial, de febre alta, mal-estar, coriza, irritação ocular, tosse e falta de apetite, e dura até quatro dias após o aparecimento das manchas vermelhas.

E como prevenir?
Toda a população é susceptível ao vírus do sarampo e a única forma de prevenir é a VACINA. O principal grupo de risco são as pessoas de seis meses a 39 anos de idade. Os lactentes filhos de mães que já tiveram sarampo ou foram vacinadas possuem, temporariamente, anticorpos transmitidos pela placenta, que conferem imunidade geralmente ao longo do primeiro ano de vida As crianças devem tomar duas doses da vacina combinada contra rubéola, sarampo e caxumba(tríplice viral): a primeira com um ano de idade e a segunda dose entre quatro e seis anos. Adolescentes e adultos (homens e mulheres) também devem tomar a vacinatríplice viraloudupla viral (contra sarampo e rubéola).

FONTE: http://www.bio.fiocruz.br/index.php/sarampo-sintomas-transmissao-e-prevencao

 

*O Saúde4Kids é um portal com informações direcionadas especialmente a mamães e papais ou responsáveis pelos cuidados com as crianças nos mais variados aspectos, desde a fase bebê até a adolescência.

Foi criado em 2015 pelas médicas e pediatras Fernanda Viana, Rafaela Gato Calmon e Ana Laura Kawasaka para compartilhar conhecimentos técnicos e experiências pessoais, a fim de orientar toda a família sobre cuidados com a saúde, bem-estar e comportamento da criançada.

Nele, as profissionais abordam, de maneira espontânea e com linguagem didática, desde assuntos obrigatórios como a vacinação das crianças, até dicas alimentares, tratativas comportamentais, sugestões de lugares para passeios etc.

O Portal Saúde4Kids também está no Instagram, Facebook e Youtube.