São Paulo: Crianças tomarão conta da Avenida Paulista

Júnia Braga Comunicação e Marketing 

lorena

Foto: Arquivo Papo de Mãe

Considerada um dos principais centros financeiro, cultural e de entretenimento de São Paulo, grande via por onde circulam milhares de pessoas e carros todos os dias, se a Avenida Paulista fosse uma cidade, estaria entre as 150 maiores do Brasil. Definitivamente, não é considerada um local para crianças. E é para transformar esta cultura e priorizar as crianças que a ONG Visão Mundial, juntamente com a Rede Nossa São Paulo, está preparando uma intervenção das meninas e meninos na avenida no domingo (22) entre 10h e 16h. O dia faz parte da série de eventos Uma São Paulo para as Crianças, que ocorre entre 15 e 29 de maio no Conjunto Nacional.

Por meio da prática inclusiva do esporte, crianças serão convidadas a construir as regras do jogo para uma modalidade esportiva criada e praticada por eles, gerando aprendizagens sobre os desafios da vivência. Esta abordagem faz parte da Metodologia Bate Bola com Cacau, testada e comprovada amplamente na periferia de Mogi das Cruzes/SP. Além disso, o domingo trará ainda dança, música, oficinas de comunicação e consciência alimentar. A programação é coordenada pelo conjunto de organizações que trabalham com o tema da infância e adolescência na cidade de São Paulo.

“Enquanto organizações que defendem os direitos da criança e do adolescente, nós avaliamos que ainda há um caminho muito longo até chegarmos a ter ambientes adequados para esse público não apenas em São Paulo, mas em todo o país. Diz-se muito de que as crianças são prioridade, porém isso ainda está muito no âmbito do discurso. Ainda se faz necessário criarmos ambientes que sejam seguros para a convivência delas, serviços públicos que de fato as coloquem em primeiro lugar e uma sociedade mais consciente da necessidade de cuidar de suas próprias crianças, caso queira realmente um lugar mais justo para se viver. Precisamos começar com nossas crianças”, diz o Coordenador de Projetos Especiais da Visão Mundial, Raniere Pontes.

Durante as duas semanas, pais e filhos terão sessões especiais de filmes no cinema, eventos gastronômicos e degustação de alimentos naturais, apresentações artísticas e práticas esportivas, mostras de fotografias, além de diversas outras atividades. Todas as atividades têm como objetivo fazer uma São Paulo mais estimulante, acolhedora, educadora e segura para que crianças e adolescentes cresçam de forma mais saudável e realizem melhor seus potenciais.

Participação infantil e pesquisa

As crianças que comparecerem ao Conjunto Nacional nos dias 20, 23 e 25, poderão fazer parte da elaboração lúdica do manifesto Uma São Paulo para as Crianças, que será entregue aos candidatos à Prefeitura paulistana. A ideia é ouvir crianças e adolescentes e coletar suas ideias e sugestões para melhorar a vida na cidade.

Segundo a pesquisa Indicadores de Referência de Bem-Estar do Município (Irbem) – Criança e Adolescente, realizada pela Rede Nossa São Paulo/Ibope no ano passado, 805 meninos e meninas entre 10 a 17 anos em todas as regiões de São Paulo revelaram que têm opiniões fortes e perturbadoras, que reforçam a ideia de que precisam ser ouvidas no processo de construção da cidade:

  • quase metade dos entrevistados gostaria de ir embora de São Paulo
  • 56% sentem medo da violência na cidade
  • 20% temem a própria polícia
  • 74% manifestam insatisfação com a preservação de rios, lagos e represas

Bate bola com Cacau

Metodologia utilizada no projeto Esportes para a Vida, da Visão Mundial, que surgiu como resposta às inquietações da comunidade Conjunto Jefferson, na periferia de Mogi das Cruzes (SP) que enfrenta desafios como falta de infraestrutura social e violência. O projeto conta com a parceria do jogador de futebol brasileiro, naturalizado alemão, Cacau, e contribui para reduzir as vulnerabilidades, fortalecer as competências esportivas, habilidades sociais e aumentar o bem-estar de 120 adolescentes e jovens.

PROGRAMAÇÃO “UMA SÃO PAULO PARA CRIANÇAS”

15 a 29 de maio – Conjunto Nacional – Av. Paulista, 2073

Dias 15 a 29 de maio: exposição coletiva de fotos: Uma São Paulo para crianças

  1. a) Associação Novolhar
  2. b) Conjunto Nacional/Associação Viva Paulista
  3. c) Cultura Indigo
  4. d) Gastromotiva
  5. e) Instituto Alana
  6. f) Instituto Árvores Vivas
  7. g) Instituto Zero a Seis
  8. h) Matéria Rima
  9. i) Visão Mundial*

*A convite da Visão Mundial, o fotógrafo Evandro Teixeira visitou as atividades do projeto Promovendo Infância, em Pernambuco e Alagoas. Algumas dessas fotos fazem parte da exposição do evento São Paulo para as crianças. Promovendo Infância foi um projeto da Visão Mundial que tirou mais de 4 mil crianças de situações de trabalho explorador, durante os 4 anos de existência.

Dia 18 de Maio as 13h30: Coral Cruz de Malta

Dia 22 de Maio: Intervenções artísticas, esportivas e gastronômicas (10h as 16h)

  1. a) Matéria Rima: dança, música e graffiti
  2. b) Visão Mundial: práticas esportivas inclusivas
  3. c) Gastromotiva: ações de sensibilização sobre consciência alimentar
  4. d) Associação Novolhar: oficina de comunicação social para crianças e adolescentes

Dias 20 e 23 e 25: Intervenção com Crianças

  1. a) Dia 20: Oficina com crianças para elaboração lúdica sobre “Uma São Paulo para as crianças” (Facilitação: Novo Olhar)
  2. b) Dias: 23 e 25 as crianças participarão da exibição de filmes

Exibição de Filmes: sobre a realidade das crianças e adolescente

  1. a) Os filmes serão abertos com o clipe feito com as crianças do Programa Cidades Sustentáveis.
  2. b) Dia 20: Exibição do filme do Novo Olhar 09h
  3. c) Dias 19 e 27: Filme Girl Rising[i] da Visão Mundial, 10h
  4. d) Dia 23 e 25: Filme Muito além do peso[ii]: Instituto Alana 10h

Meditação infantil “As novas crianças do Milênio” (10 minutos) pelo Movimento Cultura Indigo.

Intervenção com público: atividade permanente promovida

1)    Instalação “Árvores Vivas” para promover e estimular o contato das crianças e adolescentes com a natureza – Instituto Árvores Vivas”

2)    Mini consulta gratuita: diariamente das 16h às 20h (Público: crianças e adolescentes) – Movimento Cultura Indigo. Avaliação imediata de alergias causadas por alimentos (glúten, lactose), utilizando tecnologia recente da Física Quântica (bio-ressonância eletro-magnética, sistema não invasivo) e atividades de Reiki.

Sobre a Visão Mundial

Organização não governamental humanitária que dedica seus esforços e recursos na busca do bem-estar de crianças, adolescentes e jovens que vivem nas comunidades mais pobres de nosso país e no combate às causas da pobreza. A Visão Mundial Brasil integra a parceria World Vision International, que está presente em cerca de 100 países. No Brasil, a Visão Mundial atua desde 1975 em 10 estados, beneficiando 2,7 milhões de pessoas com projetos nas áreas de educação, saúde/proteção da infância, desenvolvimento econômico e promoção da cidadania. Seus projetos e programas têm como prioridade as crianças e adolescentes que vivem em comunidades empobrecidas e em situação de vulnerabilidade. Nesses 40 anos de atuação no Brasil, a Visão Mundial se consolida como uma organização comprometida com a superação da pobreza e da exclusão social.

[i] Trailer do Filme: https://www.youtube.com/watch?v=lrLqcNMG4pw

Site do filme: http://girlrising.com/

[ii] Trailer do Filme: https://www.youtube.com/watch?v=8UGe5GiHCT4

Site do Filme: http://www.muitoalemdopeso.com.br/

Papo de Mãe recomenda: 


Tags: , , , ,