Medo e coragem, companheiros de uma mesma viagem chamada vida

Por Mônica Gutmann, psicóloga, psicoterapeuta, arteterapeuta e escritora

 

Todos trazemos estes personagens dentro de nós , mas nem todos nós sabemos reconhecer sua importância, significado e profundidade .

Existem medos que nos ajudam no auto cuidado e auto preservação e são frutos de nossos instintos de sobrevivência como seres humanos e existem medos mais pessoais e individuais que são frutos de crenças , feridas , histórias ,padrões , memórias e experiências de cada um . Estes são aqueles medos que merecem ser observados , acolhidos e muitas vezes transformados .

Já a coragem ,é uma força que vem de  dentro  e que age a partir do coração como a própria palavra diz ( COR , coração ; AGEM , agir ) e apesar do medo, segue os movimentos da  vontade e  necessidade . E como ela é movida pelo coração , a coragem só acontece quando inspirada por um propósito ou um sentido mais profundo  que trará transformações significativas .

Medo e coragem são personagens que caminham juntos , assim como todas as polaridades que vivem dentro de nós . Mas estas duas ,  são fundamentais em nossa existência e não teríamos sobrevivido até aqui sem a presença delas Desde crianças medo e coragem nos inspiram atitudes , como por exemplo quando começamos a dar nossos primeiros passos ( começar a andar exige muita coragem , apesar do medo ), quando começamos a entrar no mundo novo das escolas ( e saímos do mundo conhecido de nossas famílias ) quando começamos a entrar no mundo da linguagem e ler nossas primeiras palavras ( não é nada  fácil entrar no mundo simbólico das palavras !! )  , quando nos aventuramos as crises e desafios de identidade da adolescência e criamos coragem para fazer perguntas corajosas  que seguiremos fazendo a vida  inteira como por exemplo … quem somos nós ? …. de onde viemos ? …. para onde vamos ?  … o que buscamos ? 

 Quando entramos no mundo chamado adulto , com tantos desafios que implicam em nossa sobrevivência financeira , emocional , social e física . O mundo chamado mundo dos adultos  tem muitos medos e em função disto , é um mundo cheio de defesas , competição, violência, injustiças e distâncias . Um mundo que necessita ter mais coragem , mais amor e mais coração .   Medo e coragem conversam dentro e fora de nós o tempo todo , mas na maioria das vezes , temos dificuldade de escutar estas conversas , pois elas não são nada fáceis e implicam em atitudes que nem sempre são aquelas que desejamos . 

  E neste tempo tão desafiador como este que vivemos , todos nós retomamos medos e coragens antigos , que foram deixados em algum canto de nossa existencia , por falta de cuidado , atenção , tempo , amor próprio , consciência … Cuidar de nossos medos e coragens é fundamental para que nossas vidas tornem-se cada vez mais plenas , intensas , amorosas , alegres e generosas . Compartilhar amor é fundamental e para aprendermos a amar , precisamos curar nossos medos através de nossas coragens .

 Amor e medo não combinam pois amor é confiança , entrega e liberdade de alma . Quando temos medo nos fechamos em nós mesmos , julgamos , negamos , rejeitamos e apagamos uma boa parte da luz do brilho que a vida tem .

 A vida é expressão de luzes e sombras , medo e coragem fazem parte e são diálogos eternos , mas eles tem que estar em movimento , escutando um ao outro e crescendo um com o outro . Medo e coragem se ajudam , se completam , se ampliam e são companheiros de uma mesma viagem chamada VIDA . 

A Escrita da Alma – Diálogos Criativos entre o Medo e a Coragem

Hoje, 11 de agosto de 2020, terça-feira, das 18h às 20h

Com Mônica Guttmann

As aulas serão on-line, ministradas através da plataforma Zoom.
Medo e coragem sempre foram, e sempre serão, parceiros de uma mesma viagem chamada vida.
Todos conhecemos bem estes dois personagens que nos habitam e que se manifestam em nós em diferentes formas e tempos.
Existem os medos paralisantes e os medos que nos inspiram a adotar cuidados e estratégias necessárias. E a coragem, nascida no coração, nos impulsiona aos propósitos mais profundos de nossa alma. Medo e coragem, quando dialogam, constroem força, luz, integridade, criatividade e consciência dos nossos caminhos e escolhas.
Este curso é uma oportunidade para vivenciar um diálogo criativo e profundo entre os dois, a partir da escrita da alma.
Docente
Mônica Guttmann, Psicóloga formada pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP), arteterapeuta e escritora. É professora do curso de formação em arteterapia pelo Instituto Sedes Sapientae e professora convidada em universidades, instituições e espaços culturais no Brasil e no exterior. Tem vários livros publicados, tanto para o público infantil quanto adulto. Atende crianças, adolescentes, adultos, casais e famílias em seu consultório particular e oferece assessoria para instituições de educação e saúde . Acredita que em nossas crianças (internas e externas) moram intensas e profundas feridas assim como nossa maior fonte de cura, criatividade, consciência e amor.