Você sabia que jogos eletrônicos e aplicativos possuem classificação indicativa?

Por Ligya Maria – Portal EBC

Pouca gente sabe, mas existe no Brasil classificação indicativa para aplicativos e jogos na internet. O assunto interessa principalmente pais e mães de crianças que vivem no tablet e no celular baixando aplicativos e joguinhos.

Em entrevista ao programa Ponto Com Ponto Br, da Rádio Nacional AM de Brasília, o diretor-adjunto do Departamento de Classificação Indicativa do Ministério da Justiça, Davi Brasil, explicou que a classificação indicativa para jogos eletrônicos no Brasil começou em 2009 a partir de uma decisão judicial. Ele conta que os critérios utilizados para definir a idade recomendada para aplicativos e jogos seguem a mesma lógica dos utilizados para cinema e televisão, mas com uma diferença: a possibilidade de interação, já que em jogos muitas vezes a criança pode realizar ações como “puxar um gatilho ou atropelar pessoas”.

Classificação Indicativa para jogos eletrônicos e apps

Segundo Davi Brasil, a classificação indicativa tem como foco principal informar os pais, para que eles saibam o que é ou não recomendado aos filhos. “Os pais devem estar atentos que os jogos não são só brincadeiras, às vezes trazem conteúdos que podem influenciar seus filhos. Influenciar de maneira boa ou má”, explica.

Mais informações sobre classificação indicativa podem ser encontradas no site do Ministério da Justiça.

ASSISTA: Papo de Mãe sobre Joguinhos


Tags: , ,